Terça, 20 Setembro 2022 11:16

TERMO DE REFERÊNCIA Nº. 56/B/SA-CPP-2022 - CONTRATAÇÃO EMPRESA PARA CONSTRUÇÃO DE TERRAÇOS

Escrito por 

O CPP - Centro de Pesquisa do Pantanal, entidade sem fins lucrativos, inscrito no CNPJ nº. 05.220.369/0001-23 com sede na Cidade de Cuiabá-MT, torna público, para conhecimento dos interessados, que fará realizar COTAÇÃO DE PREÇOS, do Tipo MENOR PREÇO GLOBAL, através do TR - TERMO DE REFERÊNCIA Nº. 56/BS/A-CPP/2022, no âmbito do Projeto “Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Alto Araguaia, plano piloto no município de Barra do Garças/MT”, que tem como objeto a seleção e contratação de empresa para prestação de serviços de construção de terraços, em propriedades rurais no município de Barra do Garças-MT.
As propostas de preços e demais documentos mencionados no referido TR, devem ser encaminhados ao CPP, via endereço eletrônico e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. , até às 23h59 do dia 27 de setembro de 2022.
Pedidos de Esclarecimentos referentes a este processo poderão ser remetidos por e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.), ou através do telefone (65) 3627 1887 nos seguintes horários: Das 08h00 às 12h00 – 14h00 às 18h00 de segunda a sexta feira.

Download: Termo de Referência nº. 56/B/SA/CPP/2022

 

Ler 133 vezes Publicado em Terça, 20 Setembro 2022 11:16

Restrito

Facebook

Contato

Centro de Pesquisa do Pantanal

Rua Dois, N.º 497, Sala 02, Bairro Boa Esperança

Cuiabá - MT

Telefones: + 55 (65)3627-1887

Email: gestao.cpp@gmail.com

Sobre nós

O Centro de Pesquisa do Pantanal – CPP – é uma organização independente, com enfoque humanista e sem fins lucrativos. Seu propósito maior é a promoção da cidadania, que no século XXI, tem na questão ambiental seu ponto chave.

Funcionando em estrutura de rede, o CPP está fortemente calcado em parcerias governamentais e não governamentais dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, contando também com o apoio de setores do governo federal.